Olhar Econômico

23 março, 2006

Lavagem de dinheiro

As manchetes abaixo são um tanto quanto complicada. Um caseiro acusado de lavagem de dinheiro? Então, os caseiros pelos lados de Brasília estão ganhando muito bem. Menos demagogia. Esse certamente será mais um Delúbio, que fez tudo e ninguém do alto escalão do governo sabia de nada. Mas, de nada mesmo. Aquele slogan "O melhor do Brasil é o brasileiro", sofreu uma mutação e agora é "O melhor do Brasil é o brasileiro que não acredita em falsas promessas" cabe bem para os atuais governantes. (Isso é minha opinião, é claro). Reuters

"(Reuters) - O caseiro Francenildo dos Santos Costa está sendo investigado pela Polícia Federal por suspeita de lavagem de dinheiro, disse seu advogado, Wlício Chaveiro, após depoimento na sede da instituição"

Quanto a acusação a resposta foi essa:

"O advogado do caseiro, Wlicio Chaveiro Nascimento, ironizou a iniciativa do COAF. “Lavagem de dinheiro só teria acontecido se a mãe dele tivesse lavado algum dinheiro na calça dele porque ela é lavadeira”.

Olha só, tem mais ainda. Depois desse emaranhado todo de quebra de sigilo ilegal e por ai vai, parece que o advogado do caseiro quer tirar mais um pouco dos escassos recursos públicos.

"Brasília - O advogado do caseiro Francenildo Santos Costa, Wlicio Chaveiro Nascimento, estuda a possibilidade de processar a União por conta da quebra de sigilo bancário ilegal de seu cliente"

A pergunta é: nessa "brincadeira" toda, quem paga a conta?

A resposta é nós, os contribuintes!