Olhar Econômico

06 abril, 2006

Superávit cambial chega a US$ 7,9 bi em março

Os ingressos de dólares no país superaram as saídas em US$ 7,993 bilhões em março, produzindo o maior saldo positivo no mercado de câmbio desde março 1998. Os números divulgados pelo Banco Central mostram forte ingresso de moeda ligada a operações financeiras, como investimentos e empréstimos estrangeiros, além da continuidade das vendas por exportadores.
Os bancos absorveram a maior parte do saldo positivo do mercado de câmbio. Do superávit de US$ 7,993 bilhões, ficaram com US$ 5,4 bilhões. Desse forma, aumentaram sua posição comprada em dólar, entre fevereiro e março, de US$ 200 milhões para US$ 5,6 bilhões, a mais alta observada nas estatísticas. O BC absorveu cerca de US$ 2,6 bilhões por meio de seus leilões de compra de dólares.
Em fevereiro, quando o mercado também viveu um quadro de abundância de moeda estrangeira, o BC absorveu apenas uma pequena parcela dos valores disponíveis. A autoridade monetária só compra moeda dentro das condições de mercado - ou seja, se há instituições financeiras dispostas a se desfazer da moeda aos preços vigentes em mercado a cada momento. Portanto, o baixo volume adquirido pode ser creditado a uma maior disposição do conjunto de bancos em reter moeda.
Como vem ocorrendo desde 2003, o segmento de câmbio comercial é o maior responsável pela sobra de moeda em mercado. Em março, as vendas de dólares por exportadores superaram as compras de importadores em US$ 5,537 bilhões.
Em março, houve também superávit no segmento financeiro, de US$ 2,4556 bilhões, incluído nesse número o fluxo de capital estrangeiro ao país, seja sob a forma de investimentos ou empréstimos. Desde fevereiro o país voltou a registrar saldos expressivos no segmento financeiro. Salvo alguns pequenos números positivos, a regra desde a adoção do regime de câmbio flutuante é de déficits expressivo. No primeiro trimestre, o superávit no mercado de câmbio já chega a US$ 17,692 bilhões, valor próximo aos US$ 18,819 bilhões observados em 2005 inteiro.

1 Comments:

  • Interessante esse post Joel. Mas, afinal porque os banco tem tanto interesse em reter dolares ( que estão oscilando bem abaixo do que o mercado esperava?
    Será que eles estão antevendo uma possível valorização e ai ganhar muito em cima de uma jogada dessa? Vou dar uma pesquisada nisso...
    Abraço, Joselmar

    By Blogger Joselmar Silva, at 4/06/2006 01:43:00 PM  

Postar um comentário

<< Home